Jump to content
Sign in to follow this  
Stone

Netflix

Recommended Posts

Nope, aparece tudo certinho no mesmo pais, com 300kms de distancia entre os dois, mas still, no mesmo pais :unsure:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Se não estivesses onde estás até pensava em bloqueios dos ISPs mas eles aí são tranquilos nessas coisas, certo? E bloquear conteúdos num serviço legal era algo novo...

Edited by dastinger

Share this post


Link to post
Share on other sites

não tenho usado o netflix, mas antes com um ip dos USA vi o content deles que por exemplo na tuga não tem
é isso que falas?

Share this post


Link to post
Share on other sites
30 minutes ago, Perks said:

Eu tinha uma página para testar o país do Netflix, deixa ver se encontro

 

http://api-global.netflix.com/apps/applefuji/config

que te aparece nos country codes?

Quote

Content blocked by your organization

Reason:

This Websense category is filtered: Streaming Media.

:kiddo:

 

Quando chegar a casa experimento isso.

 

 

18 minutes ago, cRaZyzMaN said:

não tenho usado o netflix, mas antes com um ip dos USA vi o content deles que por exemplo na tuga não tem
é isso que falas?

Isso é a geo-restriction, acontece-me com base de IPs no mesmo pais.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Por acaso, sempre que uso a VPN ele detecta que estou a usar uma e não me deixa ver uma série/filme. Existe maneira de dar a volta a isso? Uso a VPN Windscribe.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ontem aqui em LA, conheci um ucraniano e fui jantar com ele e a mulher 😍que vendeu um script para o Netflix sobre a suposta próxima grande série deles que vai ser sobre crypto currencies. 2 milhões de euros, e já está em pré-produção. O tipo disse que vai estar ao nível de House of Cards a nível de produção.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
21 minutes ago, Stone said:

Por acaso, sempre que uso a VPN ele detecta que estou a usar uma e não me deixa ver uma série/filme. Existe maneira de dar a volta a isso? Uso a VPN Windscribe.

Uma VPN que luta contra a luta, uso VPN Area que tem 2 servidores US e 1 UK dedicados ao Netflix, mas não é 10€/ano...

Basicamente as grandes empresas de VPN e hosting em geral compram pools de IPs que seguem o mesmo range, a Netflix simplesmente cria blacklist as ranges de IPs que "descobrem" pertencer a empresas de hosting e aparece o error de proxy, o que faz que nao seja raro haver users com ligação de ISP "legit" que levem com o erro proxy se tiverem o azar do ISP lhes atribuir um IP na range que esta em blacklist na Netflix.

Empresas como a VPNArea, ExpressVPN e HideMyAss entre outros estão sempre a arranjar esquemas para ir substituindo os IPs dos nós de saida para passar entre as malhas.

2 hours ago, Perks said:

Eu tinha uma página para testar o país do Netflix, deixa ver se encontro

 

http://api-global.netflix.com/apps/applefuji/config

que te aparece nos country codes?

Aparece o bom país.

Share this post


Link to post
Share on other sites

então devias estar a ser servido o conteúdo US, estás a usar no browser ou a app deles? tenta tab anónima ,

Share this post


Link to post
Share on other sites

No outro dia, o dev da Windscribe disse no Reddit que dentro de poucas semanas saía um workaround bastante crafty (palavras dele) para a Netflix.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 minutes ago, dastinger said:

No outro dia, o dev da Windscribe disse no Reddit que dentro de poucas semanas saía um workaround bastante crafty (palavras dele) para a Netflix.

Nice :D Até deverá estar para sair então, espero eu.

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 hours ago, Perks said:

então devias estar a ser servido o conteúdo US, estás a usar no browser ou a app deles? tenta tab anónima ,

Fdx, pensava que tinha respondido ontem, ainda devo ter o texto no tablet pronto a fazer submit lol.

Se o "problema" fosse estar a ser servido o catalgo US eu nem me queixava de nada e deixava correr nao fossem eles notar isso lol.

Uso a app no tablet, na PS4 e agora na SmartTv, nao uso em PC porque nao gosto de Windows e para Linux o maximo é 720p pelo browser. Quando quero ver conteudo US no tablet é facil pois esta la a app dedicada tanto do HideMyAss como do VPNArea, quando é na PS ou TV meto o raspberry a receber WiFi e a redistribuir por LAN com OpenVPN em cima.

Os gajos estao tanto em cima da malta que tenta passar as restricoes que ate bloqueiam acesso quando notam que se esta a usar o browser em incognito mode, nao experimentei mas ja vi pessoal a queixar se disso :

817500_capture.png

Os gajos da Netflix ja disseram por meias palavras que por vontade deles dariam acesso ao catalogo US ao mundo inteiro, mas os gananciosos dos majors de Hollywood é que lhes metem uma pressao brutal e ameacam constantemente de nao lhes dar filmes e series se nao lutam contra a malta que passa as restricoes geograficas, chega ao ponto de ser tao ridiculo que a Netflix nem pode dar acesso a certos conteudos que eles proprios produziram, porque la no meio da papelada toda esta um direito de autor da treta que faz com que so pode estar disponivel em tal ou certo sitio...

O que vale é que a partir de principios de 2018 a UE vai abolir as restricoes geograficas dentro dos estados membros e assim ja vamos ter acesso ao conteudo UK (ate o brexit estar efetivo) e FR que teem um catalogo bem mais cheio.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, skaazi said:

(...)

O que vale é que a partir de principios de 2018 a UE vai abolir as restricoes geograficas dentro dos estados membros e assim ja vamos ter acesso ao conteudo UK (ate o brexit estar efetivo) e FR que teem um catalogo bem mais cheio.

A ideia com que fiquei foi que não íamos ter acesso ao conteúdo do país onde estamos localizados, mas sim do local onde é originária a conta. Por exemplo, crio uma conta na Tugalândia e se for para o UK continuo a aceder ao conteúdo da Tugalândia com legendas PT. Enfim, estas geo-restrições online são uma aberração... <_<

Share this post


Link to post
Share on other sites

Entao estou fdd, a minha conta é  mexicana lol

Share this post


Link to post
Share on other sites

E depois não querem que a malta recorra à pirataria <_<

Share this post


Link to post
Share on other sites
20 hours ago, dastinger said:

O IP dum deles não está a apontar para outro país?

Há uns tempos, certos IP's da Vodafone faziam os sites dizer que estava na Roménia. :lol:

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 hours ago, SeRJiKaL said:

A ideia com que fiquei foi que não íamos ter acesso ao conteúdo do país onde estamos localizados, mas sim do local onde é originária a conta. Por exemplo, crio uma conta na Tugalândia e se for para o UK continuo a aceder ao conteúdo da Tugalândia com legendas PT. Enfim, estas geo-restrições online são uma aberração... <_<

Isso acho que não é assim porque eu tenho conta criada também no México mas estou a viver na Alemanha e apanho o conteúdo de cá.

Share this post


Link to post
Share on other sites

@Stone, sim, mas isso é agora. Em 2018 acho que vai mudar para como eu dizia, devido à nova lei da UE.

Share this post


Link to post
Share on other sites

no netflix, não interessa de onde é a conta, mas sim o ip

Share this post


Link to post
Share on other sites
18 minutes ago, cRaZyzMaN said:

no netflix, não interessa de onde é a conta, mas sim o ip

Tu lês o que é escrito antes de participar? 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Preços dos planos Standard e Premium sofrem um aumento de 1 a 2 euros, respetivamente. 
O Netflix vai aumentar o preço da subscrição do serviço de vídeo streaming em Portugal à semelhança do ocorrido nos Estados Unidos e no Reino Unido, confirmou o Dinheiro Vivo junto de fonte oficial da empresa. O novo preçário aplica-se de imediato aos novos subscritores, os atuais clientes começarão a receber a informação sobre o aumento de preços que deverá aplicar-se a partir de novembro.
Para continuar a ver séries como Narcos, os clientes dos pacotes Standard e Premium terão de desembolsar mais 1 e 2 euros, respetivamente. Plano Base não sofre alterações.
“Houve uma ligeira atualização dos planos de subscrição da Netflix em Portugal. O Plano Base mantém-se inalterado. O Plano Standard e o Plano Premium foram ligeiramente reajustados”, adianta fonte oficial da plataforma de video streaming.
“Os planos e os preços da Netflix são ajustados à medida que adicionamos filmes e séries televisivas exclusivas, introduzimos novas características de produto e melhoramos, no seu todo, a experiência Netflix para ajudar os nossos membros a encontrar conteúdos de forma ainda mais rápida”, justifica fonte oficial da empresa. O Plano Base, que permite o acesso apenas através de um ecrã, não sofrerá alterações mantendo-se nos 7,99 euros/mês; já o Plano Standard (dois ecrãs em simultâneo, em Alta Definição quando disponível) aumentará 1 euros, para 10,99 euros; enquanto o Plano Premium (4 ecrãs em simultâneo, inclui Alta Definição e Ultra Alta Definição – 4K – quando disponível) aumenta 2 euros para 13,99 euros.
A companhia norte-americana não revela o número de clientes que tem em Portugal, mercado onde está presente desde outubro de 2015. Leia ainda: Netflix. “Para crescer temos que garantir que a base de clientes esteja muito feliz” Na altura o Netflix fechou uma parceria com a Vodafone Portugal, permitindo o acesso ao serviço através da box da operadora. Em junho, o serviço fechou um acordo com a Altice, grupo dono da PT, válido para os diversos mercados onde o grupo está presente, com exceção dos Estados Unidos. “Nos últimos 2 anos o número de títulos disponíveis para visualização em Portugal aumentou 353%”, informa o Netflix. A plataforma diz que vai continuar a enriquecer a plataforma com conteúdos originais, só este ano são mais de mil horas. “De entre os vários conteúdos originais a serem disponibilizados brevemente constam Suburra (Itália, 6 outubro), Stranger Things (27 de outubro), Dark (Alemanha, 1 dezembro), The Crown (2 dezembro) e Bright (dezembro)”, informa. “No total, e desde que entrou na Europa em 2012, a Netflix investiu 2 mil milhões de dólares em produções europeias (licenciadas, originais e coproduções), um investimento cada vez maior que à data inclui mais de 100 produções originais em vários fases de desenvolvimento”, continua a companhia. Dos vários planos conhecidos de produções europeias, não há nenhuma anunciada em Portugal. A nível local, o Netflix fechou um acordo com a SIC para a disponibilização dos conteúdos da estação na plataforma.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Usar VPN > Meter IP Mexicano > Criar conta no Netflix > Premium a 7,3eur/mes.

  • Haha 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×