Jump to content
loki

Pinto Balsemão admite que será necessário "limitar desinformação" da Internet

Recommended Posts

images_60.jpg

Pinto Balsemão admite que será necessário "limitar desinformação" da Internet

O papel da Internet e das redes sociais na configuração do espaço público foi hoje questionado num debate em Coimbra, tendo o empresário Pinto Balsemão admitido a necessidade de limitar o que for “desinformação”.

Francisco Pinto Balsemão, presidente da SIC, disse que na Internet, incluindo nas redes sociais, nos anos mais recentes, são veiculadas informações com importância noticiosa, mas referiu que, “misturado com isto tudo, há rumores que nunca são confirmados”.

“As redes sociais vieram agravar este fenómeno”, disse o antigo primeiro-ministro, ao intervir numa conferência subordinada ao tema “Democracia, novos media/novos poderes”, uma iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Coimbra e da Fundação Bissaya Barreto.

Na sessão, a terceira de um ciclo integrado nas comemorações dos 300 anos do nascimento de Jean-Jacques Rousseau, participaram também José Manuel Fernandes, José Pacheco Pereira, Miguel Morgado e Viriato Soromenho Marques, tendo cabido a moderação ao jornalista Henrique Monteiro.

Uma “grande parte” das pessoas “abdica da sua privacidade para publicar informação sua na ‘net’ e nas redes sociais”, afirmou Pinto Balsemão.

Os cidadãos “que defendem a liberdade de expressão” poderão ser levados a exigir que “sejam colocados limites a essa desinformação”, acrescentou.

“Até que ponto devemos ser tolerantes com a intolerância?”, perguntou o fundador do semanário Expresso, afirmando que ele próprio já foi “vítima disso” na Internet.

Nos meios de comunicação virtuais, “há dificuldade em saber quem é quem”, criticou.

Pinto Balsemão referiu que, para reagir a estes problemas, importa que “os meios ditos tradicionais mantenham as suas funções de mensageiro de filtrador, de veiculador de opiniões e de ‘aguilhão’ da opinião pública”.

Também o ex-eurodeputado Pacheco Pereira considerou que “não é possível haver sociedade democrática sem haver mediações”, as quais podem ser efetuadas através “do saber, do conhecimento profissional, do tempo institucional, do direito e das regras”.

A democracia “é a vontade da maioria”, mas a ela deve acrescentar-se “o império da lei”, adiantou.

“A democracia é feita para garantir que decisões não populares possam responder a outras necessidades que não são aquelas que impulsionam o voto popular”, afirmou o comentador político e antigo eurodeputado do PSD.

Para o professor universitário Viriato Soromenho Marques, “o excesso de informação ruidosa” é hoje um dos problemas das sociedades.

“Ninguém pode esperar que, com um artigo de jornal ou um programa de televisão, possa passar da ignorância à sabedoria”, disse, realçando que “a comunicação social ajuda a definir uma agenda pública para a esfera pública”.

O jornalista José Manuel Fernandes, por seu turno, criticou “um certo jornalismo de pé de microfone” que às vezes o deixa “enfadado”.

Os jornalistas “têm alguma culpa na crise dos média” e na “perda de audiências”, acusou.

Para os políticos, “a obediência à agenda mediática” tem “uma razão forte democrática de ser”, defendeu, por seu turno, Miguel Morgado, assessor político do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho.

Miguel Morgado justificou esta afirmação com a ideia de existir atualmente “uma ‘des-sintonia’ entre o tempo político e o tempo mediático” à qual os políticos procuram adaptar-se, uma vez que eles “são os representantes da opinião popular”.

i

Share this post


Link to post
Share on other sites

ele defende o lobby dos media por isso é normal que veja as coisas dessa forma

não é necessário limitar a desinformação se os jornalistas fizerem o trabalho deles em condições

e também não é necessário limitar a desinformação se os jornais deixarem de fabricar noticias de lixo só para ter audiências e clicks

Edited by Lancer

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.