Jump to content

Fui "processado" Pela Phonehouse


Ilusi0n
 Share

Recommended Posts

Punk chamado à recepção.

Isto é mesmo verdade, segundo percebi, não é nada do género do que o JonyPaul recebeu.

Bem isto só comigo, há uns dias decidi meter o meu projecto final de curso que fiz no secundário online num domínio com o meu nome e qual é o meu espanto que hoje recebi este email:

Exmo. Senhor Tiago Rodrigues,

Em representação da N/ Constituinte, The Phone House – Comércio e Aluguer de Bens e Serviços, Lda.”, chamamos a V. melhor atenção para a carta em anexo que seguirá, durante o dia de amanhã, por correio, para a V. morada.

Agradecemos a V. resposta com a maior urgência possível.

Com os melhores cumprimentos,

Lídia Neves

Em primeiro lugar, meteram a carta em anexo no email, e vem com uma morada que não é a minha, nem sequer é a morada em que o domínio foi registado, não faço ideia onde foram buscar essa morada.

A dita cuja carta:

EXMO. SENHOR TIAGO RODRIGUES (SUNWELL)

Avenida Amália Rodrigues, n.º 18, 4.º Esquerdo

2675 – 624 ODIVELAS

Carta registada c/ aviso de recepção

Lisboa, 19 de Maio de 2011

Assunto: Uso ilegal da marca “PHONE HOUSE”

Solicitou-nos a N/Constituinte, “THE PHONE HOUSE – COMÉRCIO E ALUGUER DE BENS

E SERVIÇOS, LDA.” que a representasse na resolução do assunto em epígrafe uma V.

Exa. se serve ilicitamente da marca “PHONE HOUSE”.

Como será do conhecimento de V. Exa., a N/ Constituinte é uma prestigiada sociedade que

se dedica ao comércio a retalho de equipamentos de telecomunicações, prestando estes

serviços ao abrigo da marca “PHONE HOUSE”.

Ora, a N/ Constituinte tomou conhecimento de que V. Exa. tem vindo a usar, sem a devida

autorização, a marca “PHONE HOUSE” no âmbito de propaganda e publicidade relacionada

com o comércio online de equipamentos de telecomunicações.

Na verdade, V. Exa. está a reproduzir ilicitamente a marca “PHONE HOUSE” no website

www.trodrigues.com e, consequentemente, está a aproveitar-se do carácter distintivo e

amplamente notório da mesma no mercado internacional de telecomunicações e da

reputação profissional que a N/ Constituinte, através da sua marca, tem vindo a conquistar

ao longo dos anos. Ademais, refira-se que o uso por V. Exa. da marca “PHONE HOUSE”

causa à N/ Constituinte prejuízos avultados na medida em que vulgariza os serviços sobre

os quais possui direitos exclusivos, para além de constituir um aproveitamento ilícito da sua

actividade criadora, podendo mesmo V. Exa. vir a ser punida criminalmente.

Atento ao exposto, vimos notificar V. Exa. para que remova do mercado, nas próximas 24

horas, todas as reproduções referentes à marca “PHONE HOUSE”, mais concretamente,

que cesse, definitiva e permanentemente, o seu uso e que, por isso, a retire de quaisquer

meios de veiculação de informação e/ou promoção dos serviços prestados por V. Exa.,

nomeadamente, páginas web (designadamente, do website www.trodrigues.com), flyers

publicitários, outdoors, mupis, cartazes, material promocional, ou qualquer outro elemento

e/ou produto em que a mesma possa, de alguma forma, estar incluída. Mais se requer que,

no mesmo prazo, V. Exa. nos informe das medidas tomadas para cessar a utilização ilização

ilícita da marca/obra identificada.

Caso não proceda como solicitado, recebemos instruções expressas da N/ Constituinte para

recorrer, imediatamente e sem qualquer aviso prévio, aos competentes meios judiciais para

fazer valer os direitos da N/ Constituinte e ver ressarcidos todos os prejuízos com a conduta

ilícita exposta.

Sem outro assunto de momento, subscrevo-me, com os melhores cumprimentos,

A Advogada

Lídia Neves

ln@cca-advogados.com

Posto isto de parte o meu projecto está situado em www.trodrigues.com

Agora a minha pergunta é, aqueles gajos, estão-me a chatiar por ter "PhoneHouse" (nem é The Phone House) no site? Mas esta gente não tem mais nada que fazer?

Link to comment
Share on other sites

Isso faz lembrar os Red Hot Chili Peppers quando processaram os gajos da série Californication, por usarem o termo.

Há cenas tão ridículas....

Na minha modesta opinião, até a carta que te enviaram é ridícula... Já agora não se pode utilizar as palavras phone house... :S

Se eles tiverem razão, cria um blog sobre o assunto, fala como estás a fazer o teu trabalho final de curso, espalha a noticia pelo facebook, cria um grupo contra a The Phone House, faz barulho... que no final ainda te dão um telemóvel, só para te calar!

Lembra-te, tu aqui és a vitima... estás a acabar o curso, mal tens dinheiro para comer... e uma "multinacional" quer acabar com as tuas perspectivas de vida futuras..

Edited by Green Hawk
Link to comment
Share on other sites

A marca é The Phone House, o que é bem diferente, sinceramente não percebo muito bem o que vai na "cabeça" destas empresas, será que não têm mais nada que fazer e com que se preocupar?

Cum catano :dumb:

Link to comment
Share on other sites

Não precisas responder mas se queres resolver isso sem grandes histórias basta dizeres que o site é apenas parte do teu portefólio e não tem fins comerciais como aparenta, nem faz menção ou intenção direta de referir a marca "The Phone House" ou reproduzir o seu logo.

Link to comment
Share on other sites

Apesar de tudo o que o pessoal já escreveu, digamos que tu também és um anjolas do caraças (ou então sabes mais do que parece) })

Porque raio grafaste phonehouse com maiúsculas? É claro que assim tens ali um nome próprio e adivinha a quem pertence esse nome...

Se aquilo que queres dizer é que a Sunwell é a nossa "casa dos telemóveis", fazes favor de colocar isso em minúsculas como qualquer outro nome comum e depois mandas para lá uma cartinha a perguntar se os gajos são burros ou comem m*rda às colheres.

Link to comment
Share on other sites

Enviei um email para a dita senhora a explicar o que o swen disse.

Descobri agora onde foram buscar a morada para onde enviaram a carta, no site tenho la uma parte onde diz "Sede sunwell" e tem aquele aquela morada.

@ RedHeart Este projecto foi feito em 2008 e na altura nunca pensei sequer em imitar a "The Phone House" saiu uma coincidência, que eu saiba PhoneHouse são 2 palavras inglesas...

Link to comment
Share on other sites

Enviei um email para a dita senhora a explicar o que o swen disse.

Descobri agora onde foram buscar a morada para onde enviaram a carta, no site tenho la uma parte onde diz "Sede sunwell" e tem aquele aquela morada.

@ RedHeart Este projecto foi feito em 2008 e na altura nunca pensei sequer em imitar a "The Phone House" saiu uma coincidência, que eu saiba PhoneHouse são 2 palavras inglesas...

Óbvio que eles não têm razão, PhoneHouse é diferente de The Phone House. Se fosse igual, pelo menos aí eles podiam dizer que estavas a utilizar uma marca registada. Mas não é o caso. Eu só não entendo que tipo de advogados têm as lojas The Phone House.

Mas se fosses mais um a barafustar e a criar uma página no facebook com essa situação (e a passar má publicidade sobre eles) não se perdia nada. Era o que eu faria. As redes sociais servem para muita coisa, tb para denegrir a imagem de alguém que se mete connosco sem se saber bem o porquê.

Link to comment
Share on other sites

Eu conheço pessoalmente a advogada que está a tratar do teu "processo"... :-

Não faço a mínima ideia como o mundo dos advogados funciona, mas eles não fazem o mínimo de pesquisa primeiro? Antes de aceitarem o "caso"?

Então podes dizer a ela para ir ver os emails.

Link to comment
Share on other sites

Eu conheço pessoalmente a advogada que está a tratar do teu "processo"... :-

Não faço a mínima ideia como o mundo dos advogados funciona, mas eles não fazem o mínimo de pesquisa primeiro? Antes de aceitarem o "caso"?

Então podes dizer a ela para ir ver os emails.

Só uma curiosidade... PhoneHouse ainda não está registado, não é? Se não estiver, e parece que o JLDR disse que não estava, seria giro registares PhoneHouse e de seguida processares The Phone House por eles estarem a processar-te a ti indevidamente. 14.gif

O problema é que isso custa algum dinheiro.

Edited by Walt Sousa
Link to comment
Share on other sites

O registo de marcas é bem mais complexo do que a comparação fonética ou por sectores de actividade.

Nesse caso tens similaridades notórias e que certamente inferem em teu prejuízo.

Se fosse a ti retirava o que ele pedem.

Link to comment
Share on other sites

Se fosse a ti, também retirava o que eles dizem ;)

Imagina que a Apple criava a marca Gogle, e a Google criava a marca Aple.

Achas que eles não se processavam um ao outro? :-..

O que não falta para aí mais são marcas com semelhanças fonéticas que obviamente tentam imitar a original. Parecido não é ser igual. A verdade é que existe muita marca, em ramos diferentes, que tentam copiar (até certo ponto) outra. Mais que isto é entrar em campos que têm haver com o direito que eu não domino.

Edited by Walt Sousa
Link to comment
Share on other sites

Só estou a tentar dizer, que não vale a pena nos armarmos em duros.

Se ele tem a certeza absoluta que tem razão, então que vá em frente.

Se não tem a certeza, o melhor é retirar, porque existe um risco de vir a ter dores de cabeça.

Link to comment
Share on other sites

Só estou a tentar dizer, que não vale a pena nos armarmos em duros.

Se ele tem a certeza absoluta que tem razão, então que vá em frente.

Se não tem a certeza, o melhor é retirar, porque existe um risco de vir a ter dores de cabeça.

Certeza absoluta é saber se PhoneHouse está ou não registado (porque é ligeiramente diferente de The Phone House).

Mas ele tb pode fazer uma coisa muito simples. Alterar uma simples letra e passa a ficar PhoneHouses

Será que no plural a dita loja continuava a "embirrar"?

Link to comment
Share on other sites

Bem esta senhora continua a bater no ceguinho, depois de eu ter dito que o site era um portefólio e sem qualquer tipo de lucros, ela sai-se com esta resposta:

Por outro lado, independentemente das razões que invoca para o uso da marca registada “PHONE HOUSE”, a verdade é que está a usá-la sem consentimento da respectiva titular e, adicionalmente, criando uma aparência, como V. Exa. admite, de que, por meio da mesma, está a comercializar material electrónico, serviços esses prestados pela m/ Constituinte ao abrigo da marca registada.

Jesus...

Já disse que se mudar o Slogan (sim porque A sua PhoneHouse é um slogan nem é a "marca") para as suas PhoneHouses se isto caia por terra. Aguardo resposta.

Link to comment
Share on other sites

Isso é tudo muito bonito mas como alguns saberão, a Maxmen também começou a ser publicada em Portugal com o nome Maxim e o tribunal deu razão à revista Máxima na queixa que eles fizeram, obrigando a Maxim/Maxmen a mudar de nome. A Marlboro também se queixou da MarBelo mas não sei como ficou essa história.

Portanto, a meu ver, tira de lá o Phone House do site e não te armes em duro.

Edited by Figos
Link to comment
Share on other sites

Bem esta senhora continua a bater no ceguinho, depois de eu ter dito que o site era um portefólio e sem qualquer tipo de lucros, ela sai-se com esta resposta:

Por outro lado, independentemente das razões que invoca para o uso da marca registada "PHONE HOUSE", a verdade é que está a usá-la sem consentimento da respectiva titular e, adicionalmente, criando uma aparência, como V. Exa. admite, de que, por meio da mesma, está a comercializar material electrónico, serviços esses prestados pela m/ Constituinte ao abrigo da marca registada.

Jesus...

Já disse que se mudar o Slogan (sim porque A sua PhoneHouse é um slogan nem é a "marca") para as suas PhoneHouses se isto caia por terra. Aguardo resposta.

Eu percebi bem? Eles estão a processar um slogan? :blink:

Há aqui um facto (ou fato) que ainda não percebi muito bem e pode fazer a diferença. Mas a The Phone House ao registar a marca The Phone House passa a ter direito sobre tudo e todos que usarem as palavras Phone + House (seja junto, separado ou ao contrário)?

Edited by Walt Sousa
Link to comment
Share on other sites

Isso é tudo muito bonito mas como alguns saberão, a Maxmen também começou a ser publicada em Portugal com o nome Maxim e o tribunal deu razão à revista Máxima na queixa que eles fizeram, obrigando a Maxim/Maxmen a mudar de nome. A Marlboro também se queixou da MarBelo mas não sei como ficou essa história.

Portanto, a meu ver, tira de lá o Phone House do site e não te armes em duro.

Oh amigo mas isso são marcas reais, eu não estou a ganhar nada com aquele site.

Eu vou manter a minha posição.

Link to comment
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
 Share

  • Recently Browsing   0 members

    • No registered users viewing this page.
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.