Jump to content
Mini0n

Que Jogo Jogaste "hoje"?

Recommended Posts

9 hours ago, Jokeman said:

Eu jogo com joy stick. Muito mais prático. :)

dispenso -_- 

 

 

:trollface: 

 

1 hour ago, SunEyed said:

Podes mudar as teclas.

já pensei nisso, mas tb o meu problema é mais de ter estado a jogar ultimamente jogos que usam rato e teclado que só teclado

é uma questão de habituar-me, tenho que ver se encontro o comando que já tenho há uns anos, não sei é se continua a funcionar :P 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Até me tenho safo, tou com 12V e 2D e molho quase sempre a sopa. Só ainda não consegui ser MVP em nenhum jogo.

A ver se vos apanho online no fim-de-semana, que não trabalho. :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Provavelmente já ouviram falar do Shovel Knight que começou por um projecto Kickstarter e desde aí teve imenso sucesso e excelentes críticas. Entretanto já saíram DLCs entre outros. Para os jogadores da Nintendo Switch, está na eshop uma versão de 25€ que incluí tudo. Também está disponível para as outras plataformas.

Um jogo a relembrar os jogos 8-bit com sensação de nostalgia. Admito que ainda não joguei e ainda não estou completamente convencido mas está aqui um vídeo a explicar de certa maneira porquê tanto sucesso:

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

"acabei" o Tekken 7

Este conclui a storyline dos Mishima.

Tem a melhor soundtrack de todos os jogos da série, e considero o melhor jogo da série até agora.

recomendo!

 

Intro

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Só para dizer que o Journey é obrigatório.

Meu Deus, não contava com um jogo assim. :god:

Bonito, muito bonito, simples, eficaz. O Multiplayer veio do nada e trouxe uma dinâmica brutal. Sem falas, sem textos, só visual. Impecável. :god:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Com o lançamento do Dragon's Dogma: Dark Arisen para a PS4 nos últimos dias, decidi experimentar. Jogo inicialmente lançado em 2012 mas agora com melhoramentos gráficos e mais uns tweaks e uma zona nova...por 25€ fiquei interessado. Fui ler umas reviews e todas elas batiam no mesmo:

"uma pérola que poucos conhecem mas muitos adoram"

"na mesma altura de Dark Souls e outros (action) RPGs, esta obra prima vai passar ao lado dos comuns mortais" 

e coisas do género. tudo muito positivo e com uma comunidade ainda bastante ativa para um jogo de 2012 e com muito menos visibilidade que a concorrência da altura.

Bom, para já o jogo está simplesmente maravilhoso e recomendo a todos os que gostam do género. Vou apenas mencionar os aspetos que acho mais originais e creio que únicos neste jogo pois é mesmo isso que me está a prender a um jogo que tem gráficos claramente datados mas que...isso não interessa para nada.

Resumidamente:

O jogo é extremamente complexo e completo e ao mesmo tempo bastante simples de começar e entrar no mundo. Vou falar sobre o pawn system, que é das coisas mais originais e bem desenhadas que o jogo tem.

Nós criamos a nossa personagem e escolhemos uma de três vocações iniciais Ranger, Fighter e Mage e no lvl 10 podemos manter nessa vocação ou escolher uma vocação avançada: Strider, Warrior e Sorcerer. Mais para a frente podemos escolher uma vocação híbrida que vai buscar inspiração, skills e augments a duas vocações anteriores.

Além disso, criamos tb o nosso Pawn (Pawn principal) como se fosse a nossa personagem. O pawn principal vai andar sempre connosco e nesse pawn principal podemos mudar as skills, gear, inclinações etc etc etc. Este pawn principal é controlado por AI que é muito boa por sinal. Para afinar ainda mais essa AI, quando o pawn é criado respondemos a algumas questões que o próprio pawn nos faz para qual o papel queremos que ele desempenhe. Mediante essas respostas, as 9 inclinações vão sofrer flutuações e ele vai assumir as duas inclinações que ficarem no topo de uma lista de 9, creio. Se queremos um pawn tanque, vamos responder que queremos que seja ele a chamar as atenções no meio do combate, que perca pouco tempo com buffs, que vá direto para os inimigos mais perigosos, que defenda o Arisen (nós) que não perca tempo a curar-se etc. Se queremos um healer, vamos responder de maneira diferente e por aí adiante. Além disso, estas inclinações estão em constante evolução após cada combate, pela nossa forma de jogar, pelas instruções que vamos dando dentro e fora de combate com "Go", "Come" e "Help". Existem outras formas de alterar significativamente a ordem de prioridade destas inclinações.

Além disto, e aqui vem a parte engraçada, podemos ter mais dois pawns. No entanto, estes pawns não são criados por nós, não podem ser alterados por nós, não podemos retirar gear deles e qq item que eles recebam de nós, ficam com ele. Estes pawns são "alugados" a outros jogadores e estes pawns são cópias integrais dos pawns principais de outros jogadores e que estão disponíveis para aluguer. Tipo mercenários ou putéfias, cm preferirem.

Antes de alugar um pawn, vamos a uma lista extensa mas simples de filtrar onde podemos ver as stats, nível, gear, skills, nível de conhecimento de quests, conhecimento de inimigos e pontos fracos dos mesmos, conhecimento de zonas e segredos etc etc de cada um deles. Se precisamos de um pawn healer, é só filtrar por Mage, ver o gear e se tiver skills de healing com boas inclinações, seleccionamos esse pawn e ele junta-se a nós.

Estes pawns alugados não sobem de nível enquanto estiverem connosco, apenas quando estão a ser usados pelo seu "dono". No entanto, enquanto andam connosco, se formos para uma zona para onde eles tenham ido no passado, vão dando dicas sobre a mesma. Se combatemos contra um inimigo novo para nós e eles já o tiverem combatido antes, novamente dão dicas para nós ouvirmos, exploram os pontos fracos dos inimigos e com isso o nosso pawn ganha tb esse conhecimento, se iniciamos uma quest que o pawn tenha feito com o seu "dono" ou com outro jogador que o tenha alugado, vão dando dicas dos passos seguintes, etc. Da mesma forma, o nosso pawn principal tb tem uma enciclopédia virtual sobre estes conhecimentos de quests, inimigos e zonas. Quando alguém o aluga, este conhecimento precioso vai com ele e ajuda quem o "alugou". Se ele for com quem o aluga para zonas novas, ele guarda esse conhecimento e quando nós vamos lá pela primeira vez, o nosso pawn já sabe muita coisa.

Chega a uma altura em que temos de prescindir dos serviços dos pawns alugados pois estes não sobem de nível. Não sem antes poder oferecer-lhe um item qq do jogo, fazer uma avaliação de estilo, utilidade e combate e enviar uma msg que ele levará ao seu "dono" qd este faz o sync no jogo dele. Quando um pawn alugado é devolvido, além disto tudo o sistema oferecer ao seu dono uma soma de um tipo de moeda de troca que se pode usar para alugar pawns mais evoluídos e que têm um custo maior. Podem adicionar pawns aos favoritos, seguir facilmente a sua evolução e se o seu dono entretanto jogar com ele e subir de nível, podem aluga-lo novamente se estiverem com lvls semelhantes. Simples! E fantástico.

Quanto ao combate, é também muito bom. E neste aspeto, os Mages e Sorcerers têm dos feitiços e encantamentos visualmente mais bonitos que já vi neste tipo de jogos. E isto num jogo de 2012. O combate de personagens de magia é precisamente como deveria ser em todos os jogos. Feitiços devastadores demoram mais tempo a serem preparados (estou a falar de alguns segundos mesmo), mobilidade reduzida durante, posicionamento de um sorcerer é fundamental para não ser interrompido, etc. Existem combos que podem ser feitos entre rangers e fighters, por exemplo, onde o último usa o escudo para servir de trampolim ao ranger/strider subir para as costas dos inimigos maiores e infligir mais dano. Se existem dois magic fighters, o que é controlado por AI analisa os nossos feitiços e tenta complementar com outros, inimigos com vulnerabilidade a fogo e o mage encanta as armas do grupo com fire damage etc etc. O combate é fluído e sente-se o peso dos golpes. Existe stamina que é consumida por habilidade usada e que tem de ser gerida pq caso contrário, ficam parados a recuperar no meio da batalha. 

O fast travelling não existe no jogo como em semelhantes mas desde o lançamento do jogo foi amplamente melhorado. Existem portcrystals e ferrystones.

Os portcrystals são portais que podem ser fixos ou móveis. Existem fixos nos maiores hubs do mapa. Os portcrystals limitados mas móveis são os que podemos escolher instalar onde qusiermos, em zonas para onde vamos mais vezes fazer quests. Dp, qd não são precisos, podem ser recuperados e instalados noutro local.

Já as ferrystones são usadas quando queremos viajar para qq um destes portcrystals e dp de usadas uma vez são retiradas do inventário. Inicialmente estas ferrystones eram bastante caras, 20k gold, o que originava viagens a pé mais extensas entre zonas, principalmente no início. O que não é necessariamente mau no ínicio pois existe muito loot para apanhar pelo caminho, muito material para ser apanhado, ganhar experiência em combates mais fáceis e subir de nível, baús, inimigos novos com eventos no meio das estradas, sidequests etc. Entretanto as ferrystones ficaram mais baratas e custam apenas 1-2k. Por último, nesta edição que comprei e estás disponível já com todos os DLCs, existe uma Eternal Ferrystone que pode ser usada as vezes que se quiser sem se gastar. Portanto, fast travel está resolvido.

Relativamente a end game, até lvl 200 pode-se mudar de vocação as vezes que se quiser e experimentar todas as classes por um custo insignificante. Para quem vai começar, não precisa de perder muito tempo a escolher a vocação inicial. Se não gostar, muda facilmente.

Existe ciclo circadiano in game que dura 48 minutos de tempo real. Isto é importante porque à noite, tudo é mais perigoso e existem monstros mais raros. Existem lanternas e tochas que te ajudam a guiar no caminho pois caso contrário é tudo pitch black. Não se esqueçam de andar com óleo para recarregar as lanternas a meio da noite. lawl.... Existem quests que só podem ser feitas à noite. Descansam nos inns e podem escolher avançar o tempo até ao amanhecer/anoitecer.

Como aspetos negativos, a história parece algo simples e mediana, o voice acting é manhoso e não é dos melhores (NPCs repetem as falas over and over again.) e a música limitada mas plenamente dentro do espírito do jogo.

Muito mais haveria para dizer mas fico por aqui que o texto vai longo.

Decididamente recomendo. Principalmente a quem é adepto do tipo de jogo, não podem perder. Se quiserem um jogo para centenas de horas, têm. O jogo tb tem NG+. Se quiserem jogar e não têm muito tempo, podem perfeitamente não explorar tudo e chegar ao fim da história em poucas dezenas de horas. :y:

PS:

- Não tem profissões

- Tem um sistema básico de crafting e "combine material"

- Enchance de armas e gear muito funcional por níveis

- Não tem mounts

- Pessoal com OCD pode apanhar tudo o que há para apanhar pelo mundo pois o Inn tem espaço quase ilimitado e quase tudo tem utilidade num ponto ou noutro do jogo

- Sistema de peso de cada item e limite de carga por stamina

Edited by Kinas_
  • Thanks 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Grande review @Kinas_

TL;DR: Dragons Dogma= Dark souls+monster hunter+shadow of the colossus

 

Joguei na PS3 e no PC. Acho que ja chega lol

Edited by cursed

Share this post


Link to post
Share on other sites

O dragons dogma foi um daqueles jogos q saquei para a x360 e imediatamente achei q havia ali qq coisa, embora n ouvisse falar do jogo em lado nenhum. Na altura estava a jogar outro jogo e meti de lado... Nc mais lhe peguei, com pena minha. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois, na altura que saiu a concorrência era Dark Souls + Skyrim, entre outros. Passou facilmente para o segundo plano de muita gente. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Joguei o na 360 mas nunca o acabei. O Scope da coisa era gigantesco e não tinha 100+ horas para gastar nele. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
52 minutes ago, Kinas_ said:

Pois, na altura que saiu a concorrência era Dark Souls + Skyrim, entre outros. Passou facilmente para o segundo plano de muita gente. 

Isso. Era exactamente esse o jogo!

Share this post


Link to post
Share on other sites

O Dragon’s Dogma está por 29,90€ no Steam, mas se comprarem a key no Instant Gaming, fica por 8,95€.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

atenção a quem começou a jogar no início. depois da primeira expansão o jogo tornou se menos obstuso. resolveram alguns bugs e adicionaram mais pedras para fazer fast travel. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu chego a casa, nem tempo/força tenho para me coçar...
A minha xbox360 já está desligada há mais de 2 anos.

Ainda sonho em comprar uma PS4, um dia destes, e ter tempo para jogar uma coisa de forma frequente, como aliás este jogo exigiria. Talvez nas férias....

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now


  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×