Jump to content

Sebadelho

Members
  • Content Count

    40
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

24 Neutral

About Sebadelho

  • Rank
    Novato

Recent Profile Visitors

49 profile views
  1. Cesar Boaventura explica: O enterro solene deste gajo no final.
  2. Cuidado: "there are many important limitations to consider – both to the review and the included studies – many of which the review authors themselves acknowledge" A discussão já não é recente, entre a evidência conflituosa de estudos que dizem que o colesterol provoca doença cardiovascular ou não, tendo entre 2016 e 2018 gerado muitos pseudo-intelectuais e dado dinheiro a muita gente - Professores Doutores Pintos Coelhos, campanhas anti-estatina pejadas de estupidez e disseminadas sem crivo por canais de televisão como se fossem serviço público, entre outras. A relação entre colesterol e doença cardiovascular está bem estabelecida e fundamentada por inúmeros estudos. Muitos deles com mais de 50 anos e um deles em particular, o estudo Framingham, realizado *ao longo* de 30 de anos de follow up. As primeiras associações e mortalidade e hipercolesterolemia datam precisamente daí... Ou seja, o estudo Framingham detetou a existência de uma inversão entre o nível do HDL (bom colesterol) e a incidência de doença coronária. Ou seja, quanto menor o nível de HDL, mais doença coronária era diagnosticada. Verificaram também a existência de uma relação direta entre o LDL e a doença coronária. Quanto mais colesterol LDL, mais problemas coronários. Foi graças a estudos como o Framingham que iniciamos o controlo do colesterol, seja através de medidas dietéticas, seja através da utilização das famosas estatinas. Os novos estudos por vezes tentamos rever as associações estabelecidas ou por revisão desses antigos estudos (tentar reprocessar estatisticamente os dados previamente colhidos) ou através do desenho de novos estudos, que nem sempre é fácil de fazer atualmente porque populações que antigamente eram "virgens" de medicação potencialmente "contaminante" dos resultados, atualmente já faz/fez estatinas quando são incluídos na amostragem (ou então são mais jovens que as populações testadas previamente, o que também tem impacto diferencial nos resultados) e por isso não são bem a mesma coisa... A verdade é que a posição e a revisão pela maioria (para não dizer todos!) das sociedades europeias e americana continuam a manter e reforçar recomendações de controlo de colesterol como um papel central na prevenção de doença cardiovascular. A recomendação da Sociedade Americana de Cardiologia de 2017, após revisão da evidência disponível:“ Taking into consideration the totality of the scientific evidence, satisfying rigorous criteria for causality, we conclude strongly that lowering intake of saturated fat and replacing it with unsaturated fats, especially polyunsaturated fats, will lower the incidence of CVD. This recommended shift from saturated to unsaturated fats should occur simultaneously in an overall healthful dietary pattern such as DASH (Dietary Approaches to Stop Hypertension) or the Mediterranean diet as emphasized by the 2013 American Heart Association/American College of Cardiology lifestyle guidelines and the 2015 to 2020 Dietary Guidelines for Americans.” O que existe também atualmente é uma discussão que se pode confundir com esta do colesterol: alguns estudos encontraram heterogeneidades entre a exposição a gorduras saturadas e o risco de doenças cardiovascular... A evidência demonstra que a substituição de gordura saturada por gordura rica em ácido linoleico diminui o colesterol mas não leva a uma diminuição do risco de morte por doença coronária ou mortalidade geral. Há evidência crescente que os benefícios desta substituição terão sido sobrestimados por publicação incompleta de dados. Portanto: assunto controverso, não completamente fechado - é possível que as gorduras saturadas não sejam tão más quanto isso, quando comparadas com outras gorduras. No entanto, as recomendações para já mantêm-se as mesmas: reduzir gorduras saturadas. E isto é para a redução dietética da ingestão de gordura saturada, o colesterol não é só isto.
  3. E o Leclerc a ser embargado? A coisa também podia ter corrido bem mal (ou ainda pior) logo ao início: E deixo aqui este, porque sabe sempre bem:
  4. Por acaso tentei arranjar a versão integral da audição, mas não consegui. Fiquei com aquela curiosidade mórbida de ver esta vergonha alheia.
  5. Achei forçada a cena das tartes e o programa em geral fraquito mas gostei muito do treino que o Bastonário dos ROC levou.
  6. Hulk e Fernando negoceiam compra do Aliados de Lordelo WWW.JN.PT Os jogadores Hulk (Shanghai SIPG) e Fernando (Galatasaray) estão em negociações para investir no Aliados de Lordelo, quarto classificado da Divisão de Elite da A. F. Porto... Já sabemos porque é que o Hulk foi ao Dragão 😎 o Fernando ninguém viu.
  7. Sebadelho

    26ª Jornada

    Pensei exactamente o mesmo! ahahaha Foi pelo melhor, ao menos... Nem sempre gosto de ter razão
  8. Sebadelho

    26ª Jornada

    Fds isto é escandaloso. Este não é o gajo que nunca vai aos VAR nos lances duvidosos?
  9. Hoje de manhã tentei fazer o pagamento e não consegui, não me desbloqueia a o botão final de "concluir pedido" ou uma merda do genero, já com dados do cartão e tudo metidos... Mandei e-mail aos moços. Não sei se amanhã vão ser favas contadas... Este ano a Ferrari vai dar mais trabalho a Mercedes e as equipas da zona intermedia vão ser mais competitivas, cheira-me!
  10. 27 balas. Não está mau. Lá vai ter que ser... Se alguém quiser fazer split pot não dá, tipo Netflix? 😂
  11. Tinha as mãos suadas 😆 Com tanta polémica que houve no ano passado e com a insolvência da Force Índia estou mortinho para ver como vai ser este ano ✌️ Dá para ver todas as sessões e pelo PC, certo?
  12. Uma referência gigante que se apaga. Off-topic: vão haver streams para ver isto, este ano? É que a SportsEleven já enjoa com tanto canal de soma e segue (same as SportTVs e derivados).
  13. Morreu Charlie Whiting, diretor da Fórmula 1 WWW.OJOGO.PT A Federação Internacional de Automolismo (FIA) anunciou que o diretor da Fórmula 1 (F1), Charlie Whiting, morreu de embolia pulmonar, aos 66 anos.
×
×
  • Create New...

Important Information

We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.